Voltar

Autor: Anderson Fasano
Título: AURA E EFEITO DE CHOQUE EM BENJAMIN: CONTRIBUIÇÕES PARA O PENSAMENTO COMUNICACIONAL
Orientador: Prof. Dr. José Rodrigo P. Fontanari


Resumo

O tema da pesquisa é o pensamento comunicacional nas reflexões de Walter Benjamin a partir de um olhar mais profundo sobre os conceitos aura e efeito de choque, basilares em sua estética e em suas digressões filosóficas. Para compreendê-las com maior acuidade tratamos, ainda, das mudanças ocorridas na modernidade e dos processos perceptivos então desencadeados. Apresentamos também uma digressão sobre a arte mediante uma aproximação à revolução tecnológica que representaram a invenção da fotografia e do cinema. E, por fim, explicitamos o tema da linguagem problematizado por Benjamin. Embasam as reflexões os ensaios Pequena História da Fotografia (1931) e A Obra de Arte na Época de Sua Reprodutibilidade Técnica (1935/6). Os textos Experiência e Pobreza (1933), Teoria das Semelhanças (1933) e O Narrador (1936) foram como que o eixo a partir do qual se ergueu a visão de nosso autor sobre a loquaz capacidade do homem e das coisas. Não pudemos prescindir também de importantes comentadores da extensa obra de Benjamin, tais como, Olgária C.F. Matos, Taísa H. P. Palhares, Flávio René Kothe, Martha D‟Angelo, entre outros que nos ajudaram a entender com maior profundidade a complexidade do pensamento benjaminiano.

Palavras-chave: Comunicação. Linguagem. Aura. Efeito de choque. Walter Benjamin.

 

AURA E EFEITO DE CHOQUE EM BENJAMIN: CONTRIBUIÇÕES PARA O PENSAMENTO COMUNICACIONAL